Blog

Patagônia Chilena

  • Compartilhe
  • Postado em 23/04/2017
  • Por Marketing TGK
  • Visto 211 vezes
Patagônia Chilena

A Patagônia (ou Patagão), cujo nome foi dado pelo navegante Fernão de Magalhães reserva e oferece aos seus visitantes a grandiosidade da natureza ao longo de 1.060.631 km².

A Patagônia é dividida em dois grandes territórios: a Chilena e a Argentina. A primeira é caracterizada pela presença de fiordes e montanhas que se estendem até o Oceano Pacífico, bem como por manter a natureza intocada, e por isso mesmo atrai grande número de turistas de diversas partes do mundo. Em contrapartida, a região argentina é mais extensa e possui uma grande pampa plana e interminável.

Veja a seguir os principais pontos turísticos da exuberante Patagônia Chilena.

Por onde começar?

Puerto Natales, a província localizada a 247 km a noroeste de Punta Arenas. É nela que fica o famoso Parque Nacional Torres del Paine que possui uma rica vida silvestre e é o destino certo para quem gosta de admirar a exuberância da natureza, rios, montanhas, acampar e fazer trekking.

Quando passar por Punta Arenas não deixe de visitar o Monumento a la Goleta Ancud, na Avenida Costanera que homenageia a embarcação do capitão Juan Wiliams que chegou e tomou posse do território sul do Chile.

Em Pucón é imprescindível conhecer a sua principal atração turística que é o Vulcão Villarrica, cujo cume alcança cerca de 2.800 metros de altitude e em seu topo é comum observar a presença constante de neve.

Reserva Nacional de Cerro Castillo, localizada a 64 km ao sul de Coyhaique, possui um sitio arqueológico com registros Selknam (ou “queridos”, povo nômade que habitou parte do território chileno e argentino). Além disso, vale a pena contemplar as belas montanhas: Castillo, Iglesia e pedra Conde (que é uma rocha modelada).

Patagônia Chilena Patagônia Chilena

Lago Grey 

Divulgação/Chile

Puerto Natales

 

E por falar em cerro, outro atrativo turístico que não pode ficar de fora do seu roteiro é o Cerro Benitez que oferece um dos melhores pontos de observação de condores (ave típica da região). Um descanso a beira do Lago Sofia com seu marcante espelhamento nas águas é um convite irresistível.

Não se esqueça de esticar o seu passeio até o Monumento Natural Cueva del Milodón que é formado por três cavernas e possui esse nome devido a descoberta de restos mortais de milodón, um mamífero pertencente ao mesmo grupo dos tatus e tamanduás. A Cueva del Milodón está no caminho entre Puerto Natales e o Parque Nacional Torres del Paine.

Na entrada da caverna observe o notável Silla del Diablo. Com 35 metros de altura, a cadeira do diabo é um ponto de vista natural que recebeu esse nome devido ao seu formato. E se você gosta de cascatas precisa conhecer a Cascata do Rio Paine que ainda lhe oferece uma excelente visualização das Torres del Paine por meio de suas águas claras.

E para fechar o tour, um passeio pelo Glaciar Grey que é a terceira maior extensão de gelo continental do mundo com quase 17 mil km². É dividido por uma ilha e você pode contemplar de perto as belezas geladas de uma tonalidade azul indescritível.

Ficou curioso para conhecer a Patagônia Chilena? Então não perca tempo e entre em contato conosco!

Olá, deixe seu comentário para Patagônia Chilena

Enviando Comentário Fechar :/

Gostou? Vamos planejar sua viagem?

Solicite orçamento personalizado