Blog

Chapada Diamantina

  • Compartilhe
  • Postado em 23/05/2017
  • Por Marketing TGK
  • Visto 143 vezes
Chapada Diamantina

Quando se pensa na Chapada Diamantina logo vem à mente a imagem de um grande paredão de pedra em meio a uma extensa vegetação que se perde no horizonte. Pois bem, a icônica imagem do Morro do Pai Inácio acabou se tornando um cartão postal da região, mas o local possui várias riquezas que atraem turistas das mais diferentes localidades.

Localizada nas imediações de Lençóis, na Bahia, este paraíso natural recebe visitas constantes de aventureiros, estudiosos e místicos (devido às histórias e lendas que cercam a Chapada). Neste artigo você conhecerá os principais atrativos que são considerados essenciais para quem deseja conhecer este cenário único em pleno nordeste.

Gruta Torrinha

A bela gruta é considerada uma das mais ricas do Brasil devido a sua formação geológica e ornamentações que muito se assemelham a agulhas de gipsita com aproximadamente 60 centímetros de comprimento, e ainda flores de aragonita que dão um aspecto de vidro. Faça o percurso completo nos salões para ver tudo isso e um pouco mais.

Não deixe de conhecer também a Gruta da Pratinha e a Gruta Azul que possuem águas em uma bela tonalidade azulada e que dá para ver os peixes nadando. E se você curte esportes radicais como tirolesa e canoagem é só aproveitar!

Poço Azul Andaraí

E por falar em radical um passeio que não se pode deixar de fora do seu roteiro é o Poço Azul de águas cristalinas que brota da caverna. Agora se você for entre os meses de Fevereiro e Outubro verá os raios solares entrarem e revelarem as formações rochosas submersas.

Poço Encantado Itaetê

E já que o assunto são raios solares, se você visitar o Poço Encantado Itaetê entre os meses de Abril e Setembro encontrará no interior de uma caverna o poço iluminado que refletirá uma bela água transparente graças a uma fenda que permite a claridade natural.

Cachoeiras

No Vale do Capão há a Cachoeira da Fumaça, cuja queda alta d’água mal chega ao chão, já que a mesma desce como uma cortina fina. Com disposição, você caminha um percurso de trilha com pedras por 2 horas para chegar ao alto da cachoeira e contemplar uma bela paisagem.

Por outro lado, na Cachoeira do Riachinho a pequena queda de 8 metros lhe oferece uma agradável e convidativa piscina natural onde poderá relaxar enquanto contempla a beleza intocável ao seu redor.

Cemitério Bizantino em Mucugê

Na beira da estrada BA-142, você se depara com um cemitério composto por várias lápides que datam o século 19 e que imitam as igrejas góticas. A influência bizantina presente no local se dá devido aos compradores de diamantes de origem turca que habitavam a região. À noite, os holofotes azuis dão uma tonalidade especial (não precisa ficar com medo).

Galeria de Arte & Memória de Igatu

Espaço ideal para se conhecer parte da história do garimpo praticado na região entre as décadas de 1930 e 1950. Na região do jardim, há várias esculturas de arte contemporânea.

O que você achou da Chapada Diamantina? Opine nos comentários abaixo.

Olá, deixe seu comentário para Chapada Diamantina

Enviando Comentário Fechar :/

Gostou? Vamos planejar sua viagem?

Solicite orçamento personalizado