Blog

Confira as Novidades do Blog

Dicas de passeios na África do Sul

  • Compartilhe
  • Postado em 16/04/2018
  • Por Marketing TGK
  • Visto 488 vezes
Dicas de passeios na África do Sul

Que tal observar algo bem exótico? Pinguins Africanos! Boulders Beach é um dos poucos lugares do mundo onde esses animais vivem tranquilamente.

Você vai poder tirar muitas fotos e comprar algumas lembranças na rua, mas o ponto certo para melhor observar é Foxy Beach e janeiro a melhor época – muitos filhotes. Próximo de Cape Town há muitas outras atrações como os leões marinhos em Hout Bay, um pouco mais longe o Cape of Good Hope (Cabo da Boa Esperança) descoberto pela primeira vez em 1488 pelo português Bartolomeu Dias, Lion´s Head de onde é possível ver o nascer do sol e tirar fotos fantásticas da Montanha da Mesa. E claro a região dos vinhedos – Cape Winelands. Se você for um desses entusiasmados por vinhos aqui você irá encontrar sua felicidade. Pequenas cidades como Constantia, Paarl, Franschhoek, Stellenbosch, são charmosas e de atmosfera europeia, onde é possível degustar vinhos e uma boa gastronomia. Compre uma garrafa de Pinotage, uma uva híbrida local. Se quiser dormir uma noite consulte a gente, mas um dos mais prestigiosos endereços é Delaire Graff Estate, uma joia em Stellenbosch.

Garden Route

Passeio maravilhoso e imperdível pela costa até a cidade de Port Elizabeth. Ao longo do caminho muitas cidades pequenas e tão charmosas que você vai querer permanecer pelo menos uma noite...Hermanus e as baleias, Plettenberg Bay, Knysna e o festival de ostras na primeira quinzena de julho, Jeffrey´s Bay e as ondas perfeitas para os surfistas, como também uma das maiores concentrações de tubarões brancos do mundo. Os corajosos mergulham num “cage” para observá-los.

Pretória

É pouco conhecida, mas é a capital da África do Sul. Está localizada ao norte de Johanesburgo. Aqui você poderá embarcar no Rovos Rail na Estação Ferroviária Capital Park e fazer uma linda viagem num dos mais luxuosos trens a vapor do mundo e vale muito a pena mesmo pois a comida e os vinhos servidos são deliciosos além das paisagens deslumbrantes. É interessante que Pretória tem o segundo maior número de Embaixadas no mundo depois de Washington, DC.

Kruger House é a casa do Presidente Paul Kruger, o verdadeiro fundador da nação “africâner”, construída em 1884. Dizem que foi uma das primeiras casas a terem eletricidade na cidade. Interessante ver os móveis originais e de época nos diversos cômodos. A Union Buildings símbolo da democracia, é a sede do governo sul-africano. Com uma arquitetura neoclássica e alguns traços Cape Dutch, o edifício é uma das atrações mais populares da cidade. Ann Van Dyck Cheetah Centre é um interessante projeto de conservação das chitas e foi criado em 1971. O centro desempenha um papel importante na preservação e proteção de guepardos e já criou mais de oitocentos filhotes de chita - http://dewildt.co.za/

Há vários tipos de tours guiados, importante fazer a reserva antes.

Dicas de passeios na África do Sul Dicas de passeios na África do Sul
Porto Elizabeth Pretória

 

Durban 

Segunda maior cidade da África do Sul às margens do Oceano Índico, é o maior porto do continente africano e está entre os 10 maiores do mundo. Podemos dizer que é o “resort” de férias dos sul-africanos com suas extensas praias. É uma cidade animada, com uma grande coleção de prédios Art Déco na sua orla, muitos indianos morando e claro o imperdível “curry”.

 uShaka Marine World é um complexo de entretenimento que inclui um parque aquático  situado no “calçadão” de Durban. Tem um pouco de tudo, desde o Wet n´ Wild à criaturas selvagens...desde souvenirs à restaurantes, inclusive o Moyo, típico sul-africano.

Impossível entrar e não comprar algo no Victoria Street Market. O cheiro de especiarias e incensos indianos está por toda parte. Uma incrível mistura Afro-Oriental, aqui é o local ideal para comprar todo tipo de artesanato sul-africano, mas lembre-se de pechinchar. Vale a pena visitar Kraal Zulu e ver danças típicas Zulus nesse vilarejo totalmente reconstituído. O Reino Zulu existiu no século XIX e seus descendentes chegam hoje a mais ou menos 10 milhões.

  

O Que Comer?

 Ao viajar para a Africa do Sul, esqueça-se da dieta, porque aqui, a experiência gastronômica é incrível!

 O destaque da gastronomia do país fica por conta das carnes, não somente a bovina, mas também deliciosos frangos, passando por peixes e moluscos, já que o pais possui uma vasta costa marítima.

E é lógico que estando neste país, você não pode deixar de provar as carnes exóticas como as de jacaré, avestruzes e antílopes.

O churrasco também é bem tradicional para os africanos, assim como para os brasileiros e se você for fazer um safari, com certeza irá experimentar o saboroso Boma,  um jantar oferecisdo na maioria dos lodges, onde todos se confraternizam e trocam historias e experiências ao redor de uma fogueira.

 Aqui se come muito bem, entre os pratos tradicionais encontramos:

Pap:  um tipo de mingau feito com farinha de milho, acompanhamento para a maioria dos pratos. 

Bobotie: é um cozido de carne moída com várias iguarias, lembra o escondidinho brasileiro.

Chakalaka: é um molho apimentado típico da África do Sul, feito de vegetais, feijões e outros ingredientes variados, você tem que provar. É usado como acompanhamento em diversos pratos.

Para acompanhar esta estupenda gastronomia, nada melhor que degustar os vinhos sul africanos, que sempre estão na lista top 10 dos melhores do mundo!

 

Dicas para os safáris

O Kruger National Park é um dos mais famosos parques nacionais da África do Sul, mas também é possível fazer safáris em muitas outras regiões – cerca de 20% do território do país é preservado como reserva ambiental.

O objetivo do safári é ver os animais selvagens em seu habitat natural, aprender sobre seus costumes e principalmente ver os “Big Five” – leão, leopardo, rinoceronte, elefante e búfalo. Os melhores horários são de manhã bem cedo ou no final do dia antes do pôr do sol.

Você será conduzido só por especialistas, os rangers que dirigem os veículos 4X4 e os trackers que localizam os animais. É uma grande emoção o momento em que se vê um animal pela primeira vez – não tenha vergonha de querer fotografar e fotografar e fotografar. Afinal você veio para a África do Sul para depois poder contar e mostrar a sua incrível aventura! #tgkteleva

Olá, deixe seu comentário para Dicas de passeios na África do Sul

Enviando Comentário Fechar :/

Gostou? Vamos planejar sua viagem?

Solicite orçamento personalizado